Beneficência Portuguesa completa 154 anos

No próximo dia 21 (agosto), a Sociedade Portuguesa de Beneficência de Santos completa 154 anos de fundação. Nessa data será realizada Missa Comemorativa e entregue as novas instalações do Repouso junto ao Pronto Socorro.

A programação de aniversário da Beneficência, neste ano, além da tradicional Missa, inclui a entrega do novo Repouso mais amplo e melhor equipado, totalmente climatizado, leitos isolados tipo UTI e salas com aparelhos de TV; campanha de prevenção à Hepatite C , palestra sobre a Saúde do Homem e a chegada do primeiro Tomógrafo Mult Slice da região, equipamento de última geração para a realização de diversos tipos de exames, com destaque para avaliação cardiológica.

Programação:
Dia 21 – 9h – Missa em Ação de Graças

Local – Capela Santo Antônio

– Inauguração do Repouso

Local – Pronto Socorro – térreo do Hospital Santa Clara

Dias 22 e 23 – das 9h às 16h – Campanha de Prevenção e Testes para a Detecção de Hepatite C
Em parceria com o Grupo Esperança – campanha gratuita, aberta a população.
Local – Ambulatório – Rua Monsenhor Paula Rodrigues, 200

Dia 22 – às 18h – Palestra “Problemas da Próstata”
Com o urologista Gilberto Antunes, dentro da Semana do Homem desenvolvida pela Secretaria Municipal de Saúde de Santos.
Local – Salão Nobre – Av. Bernardino de Campos, 47

– A entrega do Tomógrafo Mult Slice – Parceria com a TomoSantos, está prevista para a primeira quinzena de setembro. A sala onde será instalado o equipamento está sendo preparada.

Histórico – Fundada em 21 de agosto de 1859, a Beneficência Portuguesa vem ao longo dos anos ampliando e aprimorando cada vez mais o atendimento na área da saúde e reafirmando a importância do objetivo de sua fundação: a solidariedade.

A instituição foi criada com o objetivo de dar assistência aos portugueses sem parentes e sem dinheiro que no século XIX, chegavam ao porto, na insalubre Vila de Santos. Em virtude das constantes epidemias, os fundadores da Beneficência, liderados pelo português José Joaquim de Souza Airam Martins, decidiram pela construção de um hospital que atendesse a todos, independente da origem, uma vez que o atendimento médico-hospitalar da Santa Casa de Misericórdia tornara-se aquém das necessidades, tamanha a quantidade de doentes acometidos de febre amarela, peste bubônica, varíola, tuberculose, malária e outras.

A atual diretoria da Beneficência, presidida por Ademir Pestana, neto de portugueses, reafirma que as preocupações dos fundadores em possibilitar atendimento médico-hospitalar aos portugueses, posteriormente ampliado para a população que padecia dos males causados pelas inúmeras epidemias, continuam presentes no dia a dia da instituição. “A Beneficência Portuguesa busca a cada dia, ampliar o atendimento médico-hospitalar à população e para isso trabalhar para a aquisição e instalação de equipamentos de última geração, tecnologia que aliada à capacidade profissional de seu corpo clínico e de outros profissionais relacionados à saúde, possibilitam novos procedimentos e tratamentos”.

2016 © Todos os direitos reservados

Telefones :        (13) 2102-3434    /    Luto:    (13) 2102-3436