Nesta quinta-feira (30), encerrando a programação “Novembro Azul na Beneficência”, às 10h, no Salão Nobre da Sociedade Portuguesa de Beneficência de Santos acontece o anúncio oficial do Programa de Tratamento de Câncer de Próstata com o novo medicamento Xofigo, na Baixada Santista pela Nucleomed – Medicina Nuclear.

Aprovado pela ANVISA e pela FDA (agência reguladora norte-americana) o Xofigo (radium 223) é o primeiro agente terapêutico emissor de partículas radioativas capaz de prolongar a sobrevida de pacientes com câncer de próstata resistente à castração, metástases ósseas sintomáticas e doenças metastáticas viscerais desconhecidas, além de postergar o surgimento de complicações iniciais relacionadas às lesões ósseas.

Especialista em Medicina Nuclear, o médico Miguel Henrique Maia Masta, da Nucleomed – Medina Nuclear, durante o evento, fará uma explanação sobre o medicamento, aplicação e efeitos. Na ocasião estarão presentes, também, representantes da Bayer S.A. responsável pelo medicamento no mercado brasileiro, entre eles, Patrícia Fassina, responsável pelo Departamento Médico do laboratório.

O novo tratamento de câncer de próstata na Beneficência Portuguesa através do serviço de Medicina Nuclear se reveste de grande importância para a saúde da região, por ser o primeiro e por enquanto o único autorizado ao uso do Xofigo, lembrando que estudos do INCA – Instituto Nacional do Câncer apontam que 1 em 7 homens será diagnosticado com câncer de próstata durante a vida. Além disso, o órgão enfatiza: “Mais do que qualquer outro tipo, esse é considerado um câncer da terceira idade, já que cerca de três quartos dos casos no mundo ocorrem a partir dos 65 anos. O aumento observado nas taxas de incidência no Brasil pode ser parcialmente justificado pela evolução dos métodos diagnósticos (exames), pela melhoria na qualidade dos sistemas de informação do país e pelo aumento na expectativa de vida”.

O diagnóstico precoce faz toda a diferença no tratamento, por essa razão a visita anual (homens a partir dos 50 anos que não tenham, histórico da doença na família) ao urologista é imprescindível, lembrando que o câncer de próstata pode ser uma doença grave, mas a maioria dos homens diagnosticados com a doença, não morrem por causa dela.

*A programação “Novembro Azul na Beneficência” envolveu uma série de ações voltadas para homens que passam por tratamento nos serviços de Radioterapia e Quimioterapia na Beneficência Portuguesa e funcionários da instituição. Entre as ações, destacamos palestras e cuidados com pele e beleza masculina (corte de cabelo, barba e bigode).

Escreva um comentário

*

Your email address will not be published.

2016 © Todos os direitos reservados

Telefones :        (13) 2102-3434    /    Luto:    (13) 2102-3436